Arquivo para outubro \14\UTC 2010

Automount Pendrive I

Opa! Seguindo com mais um post sobre Linux, montando pendrives automaticamente, pelo “pcmanfm”, o gerenciador de arquivos do LXDE.

O procedimento não é dificil, o diferencial é a utilização do UUID (http://en.wikipedia.org/wiki/Universally_unique_identifier) nas opções de montagem do /etc/fstab.

A situação minha era a seguinte: sempre que coloco um dispositivo USB, o sistema automaticamente o identifica como “/dev/sdb1”, os seguintes como “/dev/sdc1” e assim por diante. O que gera um problema na geração da instrução de montagem para o fstab, que fica associada a ordem com que o dispositivo é colocado. Uma típica instrução do arquivo fstab tem o formato DEVICE – MOUNTPOINT – FILESYSTEM – OPTIONS – DUMP – CHECK, como descrito no exemplo:

/dev/sdb1 /mnt/pendrive/ auto defaults 0 0

A solução que encontrei foi associar o dispositivo que seria montado pelo UUID que é um identificador único e que faz referência aos dispositivos exibidos na pasta /dev. Para encontrar este número, usamos o comando ‘blkid’

botto@parsec# blkid
/dev/sda1: UUID=”A345FG-12HHJ” TYPE=”ext2″
/dev/sda2: UUID=”ABCD-EF123″ TYPE=”jfs”
/dev/sdb1: UUID=”BLABLA-BLABLA” TYPE=”jfs”

Em seguida substituir o caminho do dispositivo /dev/* por UID=”xxxx” no arquivo /etc/fstab. Tomando como exemplo os trechos acima:

Substituir

/dev/sdb1 /mnt/pendrive/ auto defaults 0 0

Por

UUID=BLABLA-BLABLA /mnt/pendrive/ auto defaults 0 0

A desvantagem do método é que você fica restrito a montagem de dispositivos específicos, os demais dispositivos ainda precisam ser montados manualmente, mas isso pode ser driblado utilizando-se dos dois métodos ao mesmo tempo.

Anúncios
Anúncios